Um fertilizante natural sem nenhum custo? Sim, com borra de café.

Um fertilizante natural sem nenhum custo? Sim, com borra de café. Você está procurando um fertilizante barato para as plantas do seu jardim?

um fertilizante natural ao custo da Shutterstock 490349119

Se a resposta for sim, propomos aqui uma solução que pode lhe interessar. É uma solução simples e praticamente sem custo: borra de café.

Um fertilizante natural com resíduo de mocha.

Na verdade, os resíduos da moka caseira constituem um excelente fertilizante natural para as suas plantas e, além disso, a custo zero, no sentido de que sim, teremos gasto dinheiro na compra de café, mas não teremos gasto nada numa produção industrial. fertilizante, que não é pouco.

Mas por que borra de café? Porque contêm substâncias necessárias ao crescimento exuberante das nossas plantas, principalmente nitrogênio, fósforo e potássio.

É graças à presença destas substâncias que podemos utilizar a borra de café como fertilizante, conseguindo assim um duplo resultado: por um lado, reciclar de forma útil um resíduo e, por outro, obter um bom fertilizante gratuito.

Porém, devemos alertar que não devemos exagerar na borra de café, pois se usar muito pode formar mofo que danifica as plantas, principalmente as raízes.

Dentre todas as plantas, as que mais se beneficiam da fertilização com borra de café são as chamadas “acidófilas”, por exemplo as azáleas ou as hortênsias.

No caso das hortênsias, em particular, a borra de café pode dar tons espetaculares de azul ou azul claro.

Quanto à utilização da borra de café para fertilizar as plantas do jardim, basta misturá-la com a terra (obviamente fria): isso pode acontecer tanto no vaso quanto diretamente na terra.

Um último aviso: antes de misturá-los com a terra, o pó de café deve estar completamente seco, pois caso contrário pode favorecer o desenvolvimento de mofo.

Lar