O manjericão nunca deve ser colhido de uma determinada maneira, pois pode levar à sua rápida deterioração. Os jardineiros conhecem bem as técnicas adequadas de cultivo do manjericão, garantindo que sua folhagem exuberante permaneça vibrante. Vamos explorar os métodos de colheita incorretos e como manter plantas de manjericão prósperas.

Ao colher manjericão, é essencial seguir uma abordagem específica para evitar a deterioração prematura e estimular o crescimento contínuo. Além disso, é crucial prestar muita atenção à rega, pois o manjericão é sensível à estagnação da água.

Para prevenir o apodrecimento das raízes e promover o crescimento abundante das folhas, é imperativo replantar o manjericão quando necessário. Transferi-lo para um vaso maior permite que as raízes se expandam e fortaleça a planta, promovendo uma folhagem mais saudável.

Colocar o manjericão num local iluminado pelo sol é vital para o seu crescimento ideal, exigindo um mínimo de 10-12 horas de luz solar diariamente. Quer seja posicionado no parapeito de uma janela, varanda ou jardim, é essencial garantir ampla exposição solar.

Embora o manjericão prospere em condições úmidas, a rega excessiva deve ser evitada para evitar o apodrecimento das raízes. A rega regular e a fertilização quinzenal ajudam a manter a saúde e o vigor da planta.

A colheita frequente de folhas de manjericão promove o crescimento contínuo, com novas folhas brotando no lugar das colhidas. É essencial deixar uma porção de folhas intactas durante cada colheita para facilitar a produção contínua de folhagem.

Impedir a floração do manjericão é crucial para sustentar a produção de folhas. A poda ou remoção dos botões florais à medida que se formam incentiva a planta a se concentrar no crescimento da folhagem em vez da produção de sementes.

Seguindo essas orientações, você pode garantir um suprimento abundante de folhas de manjericão para uso culinário. Além disso, o excesso de manjericão pode ser armazenado no congelador para preservar o seu sabor para uso futuro.

Lar